Achar onde publicar com Google Scholar Metrics

As fontes principais desse post e um post “Journals Metrics” de Anna Sharman no seu blog [1] e o site “Metrics” de Google Acadêmico [2, 3]

Métricas do Google Acadêmico fornecem uma maneira fácil para que os autores avaliam rapidamente a visibilidade e a influência de artigos recentes em publicações acadêmicas. E  outra ferramenta para os autores procurarem onde publicar.

A ferramenta principal é o Journal Citation Report do Thomson/ISI que calcula varios indicadores como o fator de impacto de 2 anos e de 5 anos. http://thomsonreuters.com/products_services/science/science_products/a-z/journal_citation_reports/

Enquanto a maioria dos pesquisadores está familiarizado com as revistas bem estabelecidas em seu campo, que muitas vezes não é o caso com as publicações mais recentes ou publicações em áreas afins – não é simplesmente demasiado muitos deles de acompanhar! Métricas do Google Acadêmico resumem citações recentes para muitas publicações.

As melhores 100 publicações em vários idiomas, por ordem de seus cinco anos h-index e H-medianas métricas foram apresentadas. E possivel também  procurar por publicações com o titulo. E também é possivel ver  quais  são os artigos de uma publicação que foram mais citadas e que as citou.

Métricas Acadêmico são baseadas no índice como era em 01 de abril de 2012. Para facilidade de comparação, eles não são atualizados.

Uma coisa interessante e que arquivos abertos  internacionais com ArXiv e Repec são selecionados e tem um bom ranking no top100 publications em inglês.

Google metrics – top 100 publications (english)

Em baixo o ranking para publicações em português

Detalhes do métricas do Google Metrics [1]

O h-index de uma publicação é o maior número h tal que pelo menos h artigos em que a publicação foram citados pelo menos h vezes cada. Por exemplo, uma publicação com cinco artigos citados por, respectivamente, 17, 9, 6, 3 e 2, tem o índice h de 3.

O h-core de uma publicação é a soma de artigos citados acima do numero h da publicação. Estes são os artigos que o h-index é baseado. Por exemplo, a publicação acima tem o h-core com três artigos, os citados por 17, 9 e 6.

O H-mediana de uma publicação é a média das contagens de citações dentro no h-core. Por exemplo, o h-mediana da publicação acima é 9. O H-mediana é uma medida da distribuição de citações para os artigos h-core.

Finalmente, o índice de h5-, h5-core, e h5-mediana de uma publicação são, respectivamente, o índice h, h-core, e h-mediana  daqueles  artigos que foram publicados no calendário nos cincos últimos anos (de 2007 a 2011).

O h5-índice e o h5-mediana para cada publicação incluída são exibidas bem como o  h5-core dos artigos, juntamente com as contagens de citações. de modo que é possivel ver quais os artigos que contribuem para o h5-índice. Clique sobre a contagem de citações de qualquer artigo na h5-core para ver quem citou-o.

Cobertura das Publicações

Métricas Acadêmico abrange atualmente os artigos publicados entre 2007 e 2011, ambos inclusive. As métricas são baseadas em citações de todos os artigos que foram indexadas no Google Scholar a partir de 1 de abril de 2012 [Não tem atualização em tempo real]. Isto também inclui citações de artigos que não são abrangidos por  Metrics Acadêmico.

Os artigos vêm de um grande número de sites. Para evitar erros de identificação de publicações, foram incluídos apenas os seguintes itens:

  • artigos de periódicos de sites que seguem as nossas diretrizes de inclusão;
  • artigos de conferências e preprints a partir de um pequeno número de fontes manualmente identificados.

Os seguintes itens são excluidos :

  • Pareceres judiciais, patentes, livros e dissertações;
  • Publicações com menos de 100 artigos publicados entre 2007 e 2011;
  • Publicações que não receberam citações de artigos publicados entre 2007 e 2011.

Os limites de Metrics Acadêmico
Metrics Acadêmico cobrem uma fração substancial de artigos científicos publicados nos últimos cinco anos. No entanto, eles não cobrem atualmente um grande número de artigos a partir de revistas. As datas e citações do Metrics Acadêmico são uma estimação e são calculados por um programa de computador – o que não é o caso  do Journal Citation Report do Thomson Reuters.

O Inglês é a língua mais amplamente citada. Pesquisadores em todo o mundo publicam frequentemente em revistas de lingua inglesa- em seu próprio país, bem como internacionalmente.

[1]  http://sharmanedit.wordpress.com/2012/04/12/journal-metrics-2/
[2] top 100 publications in several languages
[3] http://scholar.google.com/intl/en/scholar/metrics.html


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.